Protetor solar: respondemos as principais dúvidas sobre o tema

Todo mundo (ou quase) entende a importância de usar protetor solar todos os dias, mas você sabe qual a quantidade correta? Como aplicar e quando reaplicar? Qual FPS é o mais adequado e se é necessário passar protetor mesmo dentro de casa? Para responder as dúvidas mais comuns sobre o tema, conversamos com a dermatologista Marcela Alves Girundi. “O filtro solar é o item mais significativo da receita numa consulta, pois além da prevenção contra o câncer de pele, previne e trata manchas e retarda o envelhecimento precoce”. Confira!

 

Qual a quantidade ideal de protetor solar?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), a recomendação é de uma colher de chá de filtro solar para todo o rosto, pescoço e cabeça – essa última, inclui o topo da cabeça ou o couro cabeludo e as orelhas. Para facilitar a aplicação, a Dra Marcela sugere fazer duas camadas do produto para garantir a quantidade correta e o FPS. Lembre de passar uma camada, aguardar secar completamente e, só depois, parta para a segunda. Também é importante que o protetor seja aplicado de maneira uniforme – sem deixar nenhum pedacinho do rosto sem produto, ok?

 

Quando reaplicar?

A regra é de 3 em 3 horas e, a cada 2 horas, em caso de transpiração excessiva, exposição solar prolongada ou após sair da água. “Para quem tem dificuldade de reaplicar o filtro solar no dia a dia, indico o uso de pós com FPS. Mas nada substitui o protetor tradicional, pois ele adere melhor na pele e promove uma cobertura homogênea”, fala a dermatologista.

 

É preciso usar protetor solar mesmo em ambientes fechados?

Sim! Além dos raios solares que atravessam as janelas, não podemos esquecer da luz artificial das telas, como do computador e celular. “Hoje os estudos científicos comprovam que a luz visível piora manchas e ainda estimula a produção de radicais livres”, alerta a médica.

 

Faz diferença passar um filtro com FPS mais alto?

Marcela diz que sim. “É muito difícil conseguir que o paciente use o protetor solar na quantidade correta. Indicando um produto com fator de proteção mais alto, posso garantir pelo menos um FPS 30, caso a aplicação seja em quantidade inferior à desejada”.

 

Como escolher o melhor protetor solar para minha pele?

Ele deve ter FPS 30 ou maior e ser adequado para o seu tipo de pele. Por exemplo, uma pele seca pode preferir um filtro solar mais hidratante, já uma pele oleosa pode optar por produtos com textura mais fluida e acabamento mate. Outra opção são os protetores com cor – lembrando que devem ser aplicados na mesma quantidade que os incolores.

 

Luíza Mattia é jornalista, apaixonada por beleza e autora do @_tuapele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

MENU

Abrir o chat
1
Compre pelo WhatsApp
Olá!
Como podemos ajudar?